{BEDA #4} Digamos que a sorte não é muito amigável

10:00



Juro que chega até a ser cômico, meu nível de falta de sorte. Sabe aquele filme da Lindsay Lohan que ela tem tudo menos sorte ? Eu não lembro o nome do filme, mas vocês devem saber de qual estou falando. Pois é exatamente assim que eu sou.
Não é exagero, se eu preciso resolver algum problema, eu vou precisar ir no lugar no minimo umas três vezes, se o local for longe então, nem se fala.
Vou contar uns causos aqui pra vocês terem noção dos perrengues que eu passo diariamente.

Certa vez precisei ir resolver documentação pra começar a pesquisa da minha monografia e infelizmente tive que ir atras nas duas secretarias de saúde daqui da minha cidade. Na primeira eu precisei ir mais de 5 vezes pra poder conseguir o documento. E na segunda que era ainda mais longe e perigosa porque eu precisava subir uma rua deserta, precisei ir 4 vezes. Sendo que toda vez que eu aparecia, o que faltava era alguém assinar ou alguém que levou o documento e não foi trabalhar no dia.

Minha monografia, inicialmente eu fiz um projeto e precisei submeter ao comitê da instituição, o projeto voltou. Re-submeti e deu certo. A monografia, também voltou, com pendências minimas, coisa infima sabe ? Re-submeti. Demorou milênios para sair, mas saiu.

A defesa da monografia. Estava tudo certo, eu estava la no horário, a banca avaliadora também e a minha orientadora também. Minha defesa deveria começar às 18h. Porém, havia começado uma às 17h que deveria terminar às 18h, mas atrasou. Claro que atrasou. Um componente da minha banca estava de plantão num hospital e ele precisava estar la às 19h, já era quase 19h e a minha defesa nada de começar. Ele quase precisou ir embora. A defesa quase precisou ser remarcada. Eu quase entrei em desespero. Mas no final deu tudo certo.

Precisei tirar meu passaporte. Já contei em outro post que irei embora do país, então preciso do passaporte. Meu namorado foi tirar o dele e tudo certo. Na semana que eu precisei tirar a minha deu um problema na maquina lá da Casa da moeda e eles pararam de emitir passaporte. Um dia antes eles voltaram a emitir, mas meu passaporte não tem data de emissão.

Eu não sei como ainda consigo me surpreender quando preciso ir duas ou mais vezes pra resolver algo. É muito chato, e as vezes eu brigo sozinha dentro do meu quarto. A surpresa mesmo é quando consigo resolver de primeira, o que é extremamente raro.

Fica aqui minha súplica a você meu caro que roubou minha sorte, devolva-a! Ela está fazendo muita falta!


Você também poderá gostar de

8 comentários

  1. Que dó! Também entrei numa maré de azar no ano passado. Nada dava certo, principalmente na faculdade e isso estava começando a refletir na minha saúde. Mas passou haha.
    Boa sorteeeeee! Muita mesmo haha.
    Espero que esse seu azar fique no Brasil e não te acompanhe na sua viagem.

    ResponderExcluir
  2. Que azar guria! Mas o importante é que deu tudo certo com a sua monografia. Contanto que tudo se ajeite no final, o resto serve para contar histórias divertidas, que no futuro iremos rir e achar graça. Beijão!

    https://itiskimby.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  3. Hahahaha tadinha!!
    Não tenho muita sorte, mas se tivesse como, te dava um pouquinho da minha
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Nossa, quanta coisa! Acredito que todos nós temos experiências assim. Quando acontece eu me sinto uma fracassada, dá aquela deprê enorme. Geralmente eu tenho sonhos onde tudo acontece errado, vou sair na rua, começa a chover, abro o guarda-chuva, ele está quebrado, me atraso etc etc.
    Te desejo muita sorte! Você tá precisando :) Apesar de que eu também não tenho muita mas toda ajuda é válida hehe

    Juhlihipy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Toda ajuda é válida mesmo! Hahahaha obrigada :)

      Excluir